Servidores da Polícia Civil participam de capacitação em mediação judicial no TJSE

Após a capacitação, mediações nas delegacias passarão a ser homologadas pelo Judiciário

Durante esta semana, policiais civis – delegados agentes e escrivães – que fazem parte do Projeto Acorde estão em capacitação em mediação judicial realizada pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE). O curso teve início nessa segunda-feira, 4. 

Ao todo, 23 policiais civis – entre delegados, agentes e escrivães – que trabalham atualmente no Projeto Acorde estão sendo capacitados por instrutores do TJSE. A capacitação tem como objetivo permitir que as mediações realizadas nas delegacias possam ser homologadas pelo Judiciário. 

O curso teórico acontece entre os dias 4 a 11 de março, no Fórum Gumercindo Bessa, sendo ministrado em 40 Horas.

“Em um segundo momento, ocorrerá o estágio supervisionado, com carga horária de 60 horas, onde, após isso, os policiais receberão o certificado de mediadores judiciais”, ressaltou a delegada Mariana Amorim , coordenadora do Projeto Acorde.

Atualmente, as delegacias metropolitanas 3ª, 4ª, 5ª, 8ª, 9ª e 11ª, a Delegacia de Delitos de Trânsito (DEDT) e as delegacias regionais de Itabaiana, Lagarto, Nossa Senhora da Glória, Estância e Propriá contam com núcleo do Projeto Acorde.

Última atualização: 5 de março de 2024 09:42.

Pular para o conteúdo