Polícia Civil

Estado de Sergipe

5 de janeiro de 2024, 09:01

Redução de roubos e furtos de veículos faz sergipanos economizarem R$ 30 milhões nos valores das apólices, aponta seguradoras

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

No estado, em comparativo entre 2022 e 2023, queda é de 36% na incidência de roubos e furtos de veículos

Com redução de 36% na incidência de roubos e furtos de veículos em Sergipe, os sergipanos economizaram pelo menos R$ 30 milhões nos valores pagos à seguradoras em Sergipe. A redução é de 12% nos valores que são pagos pelos proprietários de veículos no estado. O valor foi identificado pelas seguradoras que repassaram a informação à Divisão de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), unidade especializada no registro de ocorrências e investigações desses crimes na Grande Aracaju. A queda é fruto da integração entre as polícias Civil e Militar no combate aos crimes de roubos e furtos de veículos em Sergipe.

Para o diretor da DRFV, delegado Kassio Viana, o impacto na redução é individual, pois pelo menos mil veículos deixaram de ser roubados em 2023 com o trabalho da segurança pública, mas é também coletivo, com a queda dos valores das apólices de seguro. “É uma média de R$ 2,5 milhões a menos que o sergipano paga graças ao trabalho da segurança pública reduzindo ou números de roubos e furtos de veículos”, explicou.

Mesmo com o aumento do número de sinistros como os acidentes, o que elevaria os valores da apólices de seguro, a queda dos roubos e furtos de veículos trouxe a diminuição dos valores pagos pelos proprietários de veículos em Sergipe. “Em que pese o número de acidentes e perda total, a diminuição do roubos e furtos de veículos puxou para baixo o valor do seguro no estado”, complementou Kassio Viana.

Queda nos casos de roubos e furtos de veículos

Entre 2022 e 2023, a DRFV, unidade especializada na investigação desses crimes Sergipe, identificou que os roubos e furtos de veículos caíram 36% em comparativo entre os anos de 2022 e 2023. No ano passado, pelo menos mil veículos não foram roubados na área da Grande Aracaju com base em dados levantados pela Divisão de Roubos e Furtos de Veículos.

O monitoramento da redução dos crimes de roubos e furtos de veículos vem sendo feito de forma consistente desde 2020, conforme explicou o diretor da unidade especializada DRFV. “Os números estão sendo levantados de forma concreta desde 2020. De lá para cá, a gente vem tendo redução ano a ano. Nesse ano de 2023, tivemos a nossa maior redução, com diminuição de 36%”, especificou

Dentre os fatores que resultaram na queda da incidência dos roubos e furtos de veículos na capital e Região Metropolitana, está a integração entre as polícias Civil e Militar. “Trocando informações, fazendo operações, cumprindo mandados de prisão e mapeando a cidade para identificar os locais e horários onde os casos frequentemente ocorrem. Montamos operações também para prender os envolvidos”, complementou o delegado.

Essas ações envolvem a atuação estratégica da Polícia Militar, que recebe informações sobre locais de maior incidência de ocorrências repassadas pela Polícia Civil, assim como detalhou o subcomandante do policiamento militar da capital, tenente-coronel Thiago Costa. “E montamos pontos de bloqueio e atuamos com equipes especializadas, assim temos obtido bons resultados”, finalizou.