Polícia Civil

Estado de Sergipe

7 de abril de 2020, 15:49

Prefeitura leva serviço de desinfecção a unidades operacionais de segurança

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Cerca de 60 profissionais estão atuando no serviço de limpeza

Por intermédio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), a Prefeitura de Aracaju vem realizando, desde o último dia 27, a desinfecção de áreas públicas da cidade para evitar a proliferação do novo coronavírus. Nesta segunda-feira, 6, esse serviço foi executado em unidades operacionais da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP). No final de semana, a higienização aconteceu no conjunto Lourival Batista, onde residia uma das vítimas da doença na capital.

No Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), no bairro Santa Maria, local de trabalho de um policial militar que testou positivo para o coronavírus, os agentes realizaram um trabalho minucioso de desinfecção, que incluiu mobiliários e demais equipamentos. A atividade, que utiliza produtos com ação antibactericida e esterilizante, como o hipoclorito e sódio, foi feita ainda nas áreas internas e externas no Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) e na sede do Grupamento Especial Tático de Motos (GETAM), ambos no José Conrado de Araújo. 

Além das unidades operacionais de segurança, o cronograma desta segunda-feira esteve direcionado às ações de repasse dos locais atendidos na semana passada, a exemplo de pontos de táxis da zona Norte, UPA Nestor Piva, terminal de integração no Centro, e unidades básicas de saúde no Santos Dumont e Bugio. 

Conforme explica o presidente da Emsurb, Luiz Roberto Dantas, esta ação integra uma das medidas aprovadas no Comitê de Operações Emergenciais, no tocante ao enfrentamento à covid-19.  “O processo de desinfecção e higienização de equipamentos públicos ocorre onde há circulação de pessoas. O objetivo é reduzir a presença do vírus, que tem durabilidade variada, a depender da superfície.  Então, é uma ação que contribui no combate à pandemia”, afirma Luiz Roberto.

O delegado Gilberto Guimarães, titular da 9ª delegacia, localizada no bairro Santa Maria, reconheceu a importância desta iniciativa da administração municipal. “Como tivemos o episódio de um militar que testou positivo para esta doença, e ele trabalha em serviços internos, solicitamos o apoio da Prefeitura, através da Emsurb, no sentido que essa desinfecção fosse realizada em todos os ambientes. É uma ação muito relevante, pois promove a devida assepsia nos ambientes, o que nos deixa mais tranquilos para o exercício de nossas atividades de trabalho”, ressalta.

“Essa ação é muito importante, pois beneficia tanto a nós trabalhadores da segurança, como também os moradores da comunidade que necessitam vir a este espaço em busca de atendimento para suas demandas”, comenta o sargento Oliveira, que trabalha no 1º Batalhão de Polícia Militar, também no bairro Santa Maria.

“É um serviço muito bom e demonstra mais um cuidado que a Prefeitura está tendo com a população”, salienta a dona de casa Cícera Gomes, após acompanhar a ação de desinfecção no Cisp do Santa Maria.

“Esse trabalho é muito válido, principalmente em lugares onde ficam mais pessoas. Pego ônibus todos os dias e, desde que esse serviço começou me sinto mais aliviada”, diz a autônoma Alessandra Jesus Araújo, referindo-se ao serviço de desinfecção realizado nos terminais de integração e pontos de ônibus da capital.

Desinfecção de áreas públicas

Os serviços de desinfecção de áreas públicas tiveram início no dia 27 de março. De lá para cá, estão sendo desinfectados, numa ação continuada, terminais e pontos de ônibus e de táxi, mercados, casas de apoio a idosos, áreas próximas a hospitais e unidades básicas de saúde que atendem exclusivamente pacientes com síndromes gripais. 

A ação é feita por blocos e não há riscos à saúde da população nem aos trabalhadores da empresa terceirizada que aplicam o produto nas áreas públicas. 

Cerca de 60 profissionais, treinados anteriormente, estão atuando no serviço. Durante os trabalhos, todos fazem uso de equipamentos de proteção individual como óculos, máscara com filtro para gases, luvas, macacão e respirador facial.

Fonte: Ascom Prefeitura Municipal de Aracaju