Polícia Civil

Estado de Sergipe

30 de janeiro de 2021, 15:40

Polícia Civil volta a prender autores de roubos em Riachuelo

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Eles roubaram funcionários da Energisa e contratados da Petrobras

Investigadores da Polícia Civil em Riachuelo prenderam nesta sexta-feira (29) dois homens que roubaram cinco funcionários da Energisa em 18 de janeiro deste ano. Também agiram contra cinco funcionários terceirizados da Petrobras na quadra da Divineia, em Riachuelo, em 23 de janeiro, numa base de prospecção de petróleo, todos em serviço.

Os interrogados confessaram os dois crimes. O circuito de câmeras de TV da Energisa filmou toda a ocorrência, auxiliando na Identificação dos criminosos. 

Rapidamente, foram instaurados inquéritos policiais, prisões preventivas representadas, decretadas e cumpridas com agilidade nesta sexta-feira. 

Segundo o delegado João Martins, um dos presos, Luciano Oliveira Santos, está sendo apresentado à Justiça pela terceira vez. A primeira prisão foi em 2016, por roubo majorado contra 23 vítimas que faziam manutenção em poço de petróleo da Petrobras, quando roubaram dois coletes balísticos de uma empresa de segurança privada.

João Martins também reforçou que, na segunda vez, os criminosos roubaram jovens de um time de futebol, levaram diversos telefones celulares e invadiram uma escolinha de futebol. 

Também foi preso, pela segunda vez, Ronnyson Wollyrmalon Silva. Na primeira oportunidade, roubou crianças e adolescentes de uma escolinha de futebol. Ele e um grupo invadiram o centro esportivo da escolinha de futebol do Santa Cruz Esporte Clube, em Riachuelo, em março do ano passado. 

Na época, o grupo invadiu o alojamento pelo quintal e levou celulares dos adolescentes. Os suspeitos usaram armas brancas para ameaçar as vítimas.

Ambos estavam no sistema prisional e foram soltos no segundo semestre de 2020.  Roubaram agora dez vítimas em dois assaltos. Foram presos pela Polícia Civil e estão à disposição da Justiça.