Polícia Civil prende homem pelo crime de estupro de vulnerável da neta de três anos

O investigado foi detido na zona Norte de Aracaju

Na manhã da segunda-feira, 29, a equipe da Delegacia Especializada no Atendimento à Criança e Adolescente (Deacav) cumpriu o mandado de prisão preventiva conta um homem de 58 anos, investigado pelo crime de estupro de vulnerável contra a própria neta, de três anos de idade. O suspeito foi preso na zona Norte da capital.

Segundo informações policiais, as investigações tiveram início em 2023, quando a criança apresentou dores na área genital e informou aos familiares que o causador teria sido o próprio avô materno, com quem tinha estado no final de semana.

Durante o processo investigativo, foram ouvidas testemunhas e juntado o laudo pericial, que comprovou a prática de atos libidinosos, além de relatório psicológico, confirmando a autoria do crime apurado.

Para a proteção da vítima, a delegada responsável pelo caso, Josefa Valéria, representou à Justiça pela prisão preventiva do suspeito. “Ocorre que, mesmo tendo ouvido de sua filha que o seu pai, o avô materno, a violentava sexualmente, há indícios de que a genitora continuou permitindo o contato entre eles, então foi necessário o pedido de prisão para garantir a integridade física e psicológica da criança”, explica.

Com o cumprimento do mandado de prisão, o homem foi encaminhado à unidade da Polícia Civil, para aguardar a audiência de custódia. O caso está à disposição do Poder Judiciário.

Última atualização: 30 de abril de 2024 17:56.

Pular para o conteúdo