Polícia Civil

Estado de Sergipe

11 de junho de 2024, 15:56

Polícia Civil avança investigação com identificação do condutor investigado por importunação sexual contra jovem em veículo por aplicativo

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Investigação verificou também que o veículo havia sido vendido sem a comunicação da negociação

A Delegacia de Atendimento à Mulher e Demais Grupos Vulneráveis de São Cristóvão (DAGV) informou, nesta terça-feira, 11, que estão avançadas as investigações sobre o caso de importunação sexual praticada por um motorista por aplicativo na madrugada do dia 10. A DAGV já identificou o condutor do veículo e verificou ainda que o carro havia sido negociado, porém sem a comunicação de venda.

De acordo com a delegada Maria do Socorro, logo após o caso, as primeiras medidas legais já foram adotadas pela DAGV de São Cristóvão. “Assim que recebemos o boletim de ocorrência, imediatamente, entramos em contato com a vítima e já temos os detalhes sobre a situação pela qual ela passou. A vítima ainda não tem condições de vir à DAGV, mas já entramos em contato com ela por telefone”, explicou.

Quanto à autoria do fato, a Polícia Civil identificou que o veículo não está no nome do suposto autor do crime. O investigado pelo crime já foi identificado. “Há uma terceira pessoa que é a proprietária do veículo. Já entramos em contato com ele para justificar porque fez a venda do veículo e não passou o carro para o nome da pessoa que utiliza o carro. Já o suspeito, identificamos e temos informações sobre ele”, acrescentou a delegada.

O caso

Conforme a delegada Maria do Socorro, a vítima estava dentro do veículo, na madrugada do dia 10 de junho, quando percebeu que o condutor estaria se masturbando. “Ele estava dirigindo o veículo, e a vítima estava no banco traseiro do carro. A única forma que ela viu de se livrar da situação foi abrir a porta do veículo e se jogar na pista. Ela se feriu bastante, e outras pessoas pararam e a socorreram”, relembrou a delegada.