Polícia Civil

Estado de Sergipe

5 de agosto de 2020, 10:34

Em Sergipe, 65 delegacias já receberam nova conexão de internet em parceria com a Senasp

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

A instalação começou no dia 2 de julho e abrangerá um total de 73 unidades policiais

Sergipe está os estados contemplados com o projeto “Segurança Pública Conectada”, realizado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), vinculada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). No estado, a implantação da nova conexão teve início no dia 2 de julho e já foi instalada em 65 unidades da Polícia Civil. Ao todo, o programa irá abranger 73 delegacias do interior e da Região Metropolitana.

O programa, em âmbito nacional, é desenvolvido em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e contou com um investimento, do MJSP, de R$ 5 milhões de reais. A ação tem como objetivo levar em torno de 600 pontos de internet às unidades da polícias civis, militares e das guardas municipais em todo o país, com finalidade de melhorar a gestão dos dados estatísticos de Segurança pública.

Na primeira etapa de instalação estão sendo contemplados, além de Sergipe, os estados do Acre, Alagoas, Amapá, Rio Grande do Norte, Roraima, Tocantins, Rio de Janeiro, Piauí e Maranhão, estados esses que já estão integrados ao Ministério por meio do Sistema de Procedimentos Policiais eletrônicos (PPE).

Segundo Cátia Emanuelli, assessora técnica da Superintendência da Polícia Civil (Supci), a implantação do serviço faz parte de uma ampla parceria com o Governo Federal, que vem desde o ano de 2017.

“As tratativas com o MJSP sobre os problemas relacionados a internet das unidades do interior do estado tiveram início em 2017, quando foi assinado um acordo de cooperação para implantação do novo sistema de Boletins de Ocorrência e procedimentos policiais virtualizados, desenvolvido pelo Governo Federal. Nesse momento, foram mapeadas as deficiências de internet nas unidades da Polícia Civil, principalmente nas do interior do estado”, explicou.

O delegado Samuel Brito, da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória, ressaltou a importância do investimento nas unidades policiais e salientou que a nova conexão de internet instalada na unidade policial contribuiu para a celeridade no atendimento ao público.

“Agradeço à SSP, à Delegacia-Geral, a respeito da internet que foi disponibilizada para essa delegacia. Informo que os serviços foram melhorados em 100%. Antes tínhamos uma velocidade muito aquém do que o desejado, e hoje é muito boa. Conseguimos desenvolver nosso trabalho de forma dinâmica, sem prejuízo nenhum ao atendimento ao público, pois o fornecido pelo governo melhorou 100% a conexão com a internet”, frisou.

De acordo com Wellington Silva, diretor de Gestão e Integração da Informação da Senasp/MJSP, a ação irá desenvolver maior capacidade de gestão e agilidade nos processos. “Com a chegada do projeto nos estados, iremos oferecer mais celeridade nas ações de delegacias e unidades que não contam com internet de qualidade. Processos serão agilizados, assim como boletins de ocorrências disponibilizados de forma mais ágil, contribuindo para uma melhora de informações e elucidação de casos”, destacou.

O projeto permitirá a interconexão e levará tecnologia e integração de informações a todas as regiões do Brasil, mesmo as mais remotas, conforme detalhou Wellington Silva. “Desse modo, o trabalho policial, não só nas regiões que integram nossos sistemas, mas em todo o Brasil, se tornará mais adequado, pois permitirá que decisões policiais, tanto táticas quanto operacionais, até mesmo em nível estratégico, sejam tomadas baseadas em evidências e dados, melhorando a qualidade do serviço prestado à população”, enfatizou.

Com informações de MJSP