Cope localiza na capital homem foragido por tráfico de drogas e homicídios na região Sul do estado

Suspeito era alvo da Operação Cristinápolis Segura, ocorrida em novembro de 2023

O Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), com apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), realizou operação para cumprir mandado de prisão preventiva contra um homem de 23 anos, investigado pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas. A ação policial ocorreu nesta quinta-feira, 18, no bairro Farolândia, em Aracaju.

Segundo informações do Cope, o suspeito é remanescente da Operação Cristinápolis Segura, ocorrida em novembro de 2023, e estava escondido na capital desde que fugiu do trabalho policial. As informações mostraram que ele era um dos líderes de um grupo criminoso atuante na região de Tomar do Geru, que foi originado no município de Barra dos Coqueiros, mas mantinha ramificações em Cristinápolis e na cidade geruense.

À época da operação, a Polícia Civil levantou que dois grupos, oriundos da Barra dos Coqueiros e do conjunto Parque dos Faróis, em Nossa Senhora do Socorro, disputavam o domínio territorial referente ao tráfico de drogas na Grande Aracaju. O atrito gerou rivalidade entre os subgrupos criados dentro do crime, causando conflitos armados e violentos, inclusive no Sul do Estado.

Nesta quinta, no momento da abordagem policial, o investigado que havia foragido da Operação Cristinápolis Segura reagiu à tentativa de cumprimento de mandado, utilizando uma arma de fogo contra os agentes do Cope, momento em que houve o confronto com a equipe. O homem foi atingido e levado ao Hospital de Urgências de Sergipe (Huse), mas evoluiu a óbito.

A arma apreendida foi encaminhada ao Cope. A Polícia Civil pede que informações sobre crimes na região metropolitana de Aracaju ou no Sul do Estado sejam enviadas pelo Disque-Denúncia (181), pois a colaboração da sociedade é imprescindível para o trabalho de combate à criminalidade.
 

Última atualização: 18 de abril de 2024 10:14.

Pular para o conteúdo